quarta-feira, 5 de novembro de 2008

CAIO FÁBIO ACREDITA QUE UM MAÇON POSSA IR PARA O CÉU


“COM RELAÇÃO À MAÇONARIA, EU DIGO, SEM MEDO:SE ATÉ EVANGÉLICOS PODEM IR PARA O CÉU, E SE ATÉ MUITOS DOS MAIS ENGANADOS PREGADORES DA TERRA PODEM IR PARA O CÉU, POR QUE, ENTÃO, UM MAÇOM NÃO PODE?” (Caio Fábio)

Aproveitando o ensejo da campanha de Billy Graham no Brasil (nos dias 6,7 e 8 de novembro) , me vem a mente a figura de Caio Fábio.
Existe na internet uma troca de e-mails pública sobre o assunto envolvendo Billy Graham e a maçonaria, tendo como pano de fundo um artigo do site espada. http://www.espada.eti.br/n1355.asp
O conteúdo dos mesmos ainda se encontra disponível a quem quiser conferir em: http://www.mail-archive.com/debate_biblico@yahoogrupos.com.br/msg08096.html

Caio Fábio, ou “Caído” Fábio, como alguns o chamam, ao que parece além de quebrar a cara na sua queda, teve também afetado o seu cérebro.
Na desastrada tentativa de refutação do artigo que expõe a verdade sobre Billy Graham, Caio Fábio acaba fazendo com que suas palavras se tornem sua principal acusação.

Caio Fábio é uma figura insólita. Ao mesmo tempo em que esbraveja o surradíssimo discurso do “não julgueis” contra seus desafetos, ele parece esquecer, e acreditar que todos esqueceram de seu passado. Mas ao contrário do que a maioria pensa, nem todos se esquecem.

Creio que na sua queda uma das áreas atingidas de seu cérebro foi a da memória. Haja vista tamanha volúpia em sua defesa de Graham, só posso concluir que ele não se lembra de seu passado, de seu adultério, de seus ensinos mirabolantes.

Não vou colocar aqui todo o “discurso” de Caio Fábio. Suas sandices são tão bizarras que coloca-las na íntegra seria um atentado ao bom senso.
Vou me limitar a citar alguns trechos do outrora “papa dos evangélicos”, para que todos saibam o quão baixo alguém pode chegar depois de apostatar da fé e ainda se intitular “pastor”.

Caio Fábio chama o autor do artigo do site espada de “Pitbull doutrinário”, “fundamentalistazinho invejoso e perverso” e “fundamentalista binladeneano”.
Ora, para quem no mesmo artigo condena o julgar, isso é no mínimo uma grande incoerência, uma falta total de caráter até. Fazer ataques nesse nível tão baixo só comprova o testemunho das Escrituras acerca de falsos mestres como ele:
“Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te” (II Tm 3:5)

Caio Fábio também envereda pelo triste caminho da exaltação dos homens. Para isso faz até uma propaganda de um Billy Graham correto e obediente a Deus:
“O reverendo Billy Graham passou a vida pregando a Cruz e o Sangue e a justificação pela fé”
Seria interessante perguntar a Caio Fábio se ele sabe contar. Se Billy Graham “passou a vida” pregando a cruz e o sangue e a justificação pela fé, os fatos dizem outra coisa completamente diferente.
A contínua apostasia de Graham comprova que ele não passou toda a vida pregando a verdade. Ou seja, faz muitos anos que Graham deixou de pregar a “cruz e o Sangue e a justificação pela fé”. Talvez Caio Fábio tenha sido afetado também na área do cérebro responsável pelos cálculos.

“COM RELAÇÃO À MAÇONARIA, EU DIGO, SEM MEDO:SE ATÉ EVANGÉLICOS PODEM IR PARA O CÉU, E SE ATÉ MUITOS DOS MAIS ENGANADOS PREGADORES DA TERRA PODEM IR PARA O CÉU, POR QUE, ENTÃO, UM MAÇOM NÃO PODE?”

A frase acima é a síntese da pessoa de Caio Fábio. A palavra que cai como uma luva nessa situação é confusão.
Confusão em relação a exclusividade dos cristãos serem os “eleitos segundo a presciência de Deus Pai” (I Pe 1:2).
Logo, é impossível que um hindu, um budista, um católico, um mórmom, um TJ vá para o céu. Somente os que estão em Cristo,os cristãos é que irão.
Se Caio Fábio está dizendo que “até evangélicos” vão para o céu, logo, quem mais irá?

Um maçon não pode ir para o céu?
Aqui a confusão é ainda maior.
Se Caio Fábio quis dizer que disse, fica claro que ele é adepto do universalismo, ou seja, todos vão para o céu.
A Bíblia, por outro lado, é clara: os que estão na carne não podem agradar a Deus. (Rm 8:8)
Ninguém pode servir a dois senhores (Mt 6:24).
“...qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniqüidade.” (II Tm 2:19).

É impossível que um maçon vá para o céu por esses e milhares de outros versículos que de forma conclusiva põem por terra as insanidades de Caio Fábio.
A maçonaria é satânica. Há abundantes estudos e artigos na internet que comprovam isso. Falar mais sobre isso é “chover no molhado”.
A menos que o maçon, se for Graham, ou qualquer outro, venham ao arrependimento genuíno e ao novo nascimento, nenhum irá para o céu.

Ainda fica registrado por mim o meu pesar em relação as pessoas que vão a falsos mestres como ele. Comprovam a sua incapacidade de discernir e total ingenuidade.

“COM RELAÇÃO À MAÇONARIA, EU DIGO, SEM MEDO:SE ATÉ EVANGÉLICOS PODEM IR PARA O CÉU, E SE ATÉ MUITOS DOS MAIS ENGANADOS PREGADORES DA TERRA PODEM IR PARA O CÉU, POR QUE, ENTÃO, UM MAÇOM NÃO PODE?”